Plenário aprova prorrogação do prazo para Comissão de Ética

Memorando recebeu aprovação unânime dos vereadores nesta semana
Plenário aprova prorrogação do prazo para Comissão de Ética

Sessão Ordinária aprovou o pedido da Comissão de Ética para estender o prazo da apresentação do relatório final em Plenário

A Comissão de Ética instalada para a apurar da conduta do vereador Elario Jahn (MDB), teve seu prazo prorrogado na Câmara de Vereadores de Parobé. O memorando que solicitou a prorrogação foi aprovado durante a sessão ordinária desta semana.

Com esta aprovação, o relatório deverá ser apresentado dentro de 90 dias aos parlamentares do município. Inicialmente, a comissão teria o prazo de 60 dias para a definição do texto a ser votado em Plenário.

Conforme o pedido feito pelo presidente da comissão, Gilberto Gomes (PRB), o pedido ocorre em razão de que iniciado os trabalhos desde a formação da comissão até o presente momento foi designado relator para apresentação do relatório prévio em 10 dias e não houve apresentação no tempo hábil.

“Desta forma redistribuí a matéria para que outro membro da comissão fizesse o relatório prévio, onde este apresentou o seu relatório prévio na última sexta-feira, sendo que se dará o início do processo da aceitação da denúncia. Portanto, já se passaram mais de 30 dias e estamos no início do processo, já que só agora com a apresentação do relatório prévio é que de fato inicia o procedimento da defesa para feitura de relatório final”, justificou.  

Além do memorando, os parlamentares também apreciaram os pedidos de informação e pedidos de providência de autoria da Casa Legislativa. Fora da pauta da reunião, os vereadores também receberam o advogado Eduardo Francisquete, que fez uma explanação a respeito dos impactos da reforma trabalhista em todos os setores da indústria do País. O pedido foi feito pelo vereador Dari da Silva (PROS). A próxima sessão ordinária acontece na noite de terça-feira, dia 08, a partir das 19 horas.

Foto: Eduarda Rocha/Assessoria de Comunicação