Novo pedido de CPI é protocolado no Legislativo

Parlamentares assinaram o pedido na manhã de hoje (15)
Novo pedido de CPI é protocolado no Legislativo

Documento que pede a abertura de comissão foi protocolado na secretaria do Legislativo.

Oito vereadores do Legislativo Parobeense assinaram na manhã desta sexta-feira, dia 15, o pedido de abertura de uma nova Comissão Parlamentar de Inquérito. Conforme a justificativa entregue à secretaria da Câmara, o objetivo é investigar a suposta “falta do valor de R$ 588.544,49 não encontrados no caixa da Prefeitura conforme balancete apresentado no dia 31 de março”.

O número foi apresentado pela Prefeitura Municipal como resultado de uma auditoria, na última segunda-feira, dia 11. Agora cabe à mesa diretora acatar o pedido e instaurar a CPI.

Conforme a presidente do Legislativo, Maria Eliane Nunes (MDB), a Casa legislativa tem o compromisso de esclarecer os fatos perante a comunidade parobeense. “Mais do que ninguém eu tenho interesse de que esta situação seja esclarecida. Inclusive posteriormente quero que haja uma investigação completa desta auditoria apresentada pelo Executivo”, destacou durante o ato de assinatura.

Na mesma linha, o líder de governo na Câmara, vereador Dari da Silva (PL), salienta a necessidade de apurar os fatos devido a sua gravidade. “O único órgão fiscalizador externo é o Legislativo. Temos a obrigação de apurar os fatos apontados pela auditoria, que precisa ser esclarecida. Só existe uma maneira de apurar o que aconteceu e é através da análise de documentos”, enfatizou.

Além destes, também assinam o pedido os vereadores Marcelo Pereira (PDT), Celso Abreu (PL), Maristela Toffoli (PT), Enio Terra (PDT), Moacir Jagucheski (Cidadania) e Jorge Graminha (PDT). O documento foi protocolado na secretaria da Casa Legislativa e ficou à disposição para os demais parlamentares.  

Foto: Eduarda Rocha/Assessoria de Comunicação