Fábrica de Chocolate se prepara para a páscoa em Parobé

Empresária vai expor seus produtos pela primeira vez no município
Fábrica de Chocolate se prepara para a páscoa em Parobé

Maria Fátima da Silva, proprietária da fábrica Marry D’Vale, esta com a expectativa positiva para as vendas deste ano

Branco, preto, amargo, com recheio e sem recheio: não importa a especialidade, o chocolate é sem dúvida o doce que mais faz sucesso na Páscoa. Fugindo dos gigantes do mercado, os pequenos fabricantes ocupam um papel importante na economia durante este período. Um destes exemplos esta em Parobé.

Criada há 30 anos, a empresa Marry D’Vale já esta com a produção a todo o vapor. Com uma expectativa positiva para as vendas deste ano, a proprietária Maria Fátima da Silva, 56 anos, espera comercializar mais do que em 2018. “Estou com uma expectativa muito boa para um crescimento nas vendas. Contratei funcionárias e consegui novas parcerias para atender a demanda”, destaca.

Fundada após um momento delicado da família, a empresa nasceu pequena e com a venda porta a porta na cidade, comercializando produtos personalizados como barras, ovos e bombons. “Perdi minha filha aos nove meses e fiquei desiludida. Depois de um tempo fiz um curso e comecei a fazer amostras dos bombons. O sucesso foi tanto que logo começamos a receber os pedidos e eu nunca mais respirei”, ri.

Com o tempo, Fátima investiu na fábrica, aumentou o prédio e adquiriu novos equipamentos. Logo, as vendas alavancaram e passaram a ser feitas direto no balcão da fábrica. Hoje são mais de 300kg vendidos só neste período do ano. Localizada na área Central do município a fábrica utiliza receita que mantém a cultura do chocolate artesanal e sem conservantes. “Do chocolate aos enfeites eu preservo a qualidade artesanal. Me nego a colocar algo que estrague a fórmula original, pois é isto que faz meu chocolate ser tão saboroso e especial”, conta.

Mesmo com três décadas de trabalho no setor alimentício, a empresária vai expor seus produtos pela primeira vez no município durante a 21ª Feira do Peixe, que acontece nos dias 16, 17 e 18 de abril. “Amo demais o que eu faço, mesmo com problemas musculares, este ano eu dei continuidade ao trabalho e com certeza será um sucesso. Todo o Parobeense já experimentou e gosta do meu chocolate”, finaliza.

Foto: Eduarda Rocha/Assessoria de Comunicação