Câmara de Parobé segue o TCE e reprova contas de ex-prefeito

Contas de 2015 de Claudio Silva foi pauta da sessão ordinária
Câmara de Parobé segue o TCE e reprova contas de ex-prefeito

Parecer da Comissão de Finanças foi lido em Plenário e segue o apontamento do Tribunal de Contas do Estado.

Os vereadores aprovaram em votação na Câmara de Vereadores de Parobé nesta terça-feira (03, o relatório do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RS) sobre o balanço das contas de 2015, peúltimo ano da gestão do ex-prefeito, Claudio Roberto Ramos da Silva.

Segundo o relatório, o tribunal é desfavorável a prestação de contas desta gestão, por “conterem falhas prejudiciais ao Erário, as quais, na sua globalidade, comprometem as Contas em seu conjunto, situações ensejadoras de recomendação e determinações no sentido de sua correção para os exercícios subsequentes”.

O vereador Aldir Fabris fez em Plenário a leitura do parecer da Comissão de Finanças e Orçamento, que acatou o apontamento desfavorável do TCE. Na última sexta-feira (28), servidores do Legislativo notificaram o ex-prefeito quanto a votação, dentro dos prazos determinados pelo regimento interno.

Sem que houvesse algum representante de Silva para fazer a defesa, o presidente do Legislativo Antônio Carlos dos Santos, colocou em votação o relatório do TCE. “O setor administrativo do Legislativo o procurou por duas vezes na última semana, encontrando o ex-prefeito somente ao final da semana. Estamos seguindo o processo regimental com seriedade”, afirmou o presidente.

Durante a votação o parecer recebeu 13 votos favoráveis ao parecer, ou seja, reprovando o balanço das contas daquele período. “Nós aqui temos o compromisso com a comunidade em fiscalizar a administração pública”, enfatizou o vereador Eneas Rodrigues.

Além desta votação, os parlamentares do município apreciaram 04 pedidos de providência e 09 pedidos de informação. A partir da próxima semana os pronunciamentos na Tribuna Municipal voltam a ser transmitidos na página da Câmara de Vereadores.

Foto: Eduarda Rocha/Assessoria de Comunicação