Autismo em pauta no Legislativo de Parobé

Familiares e apoiadores da causa presenciaram votação de projeto em Plenário
Autismo em pauta no Legislativo de Parobé

Representando os pais e familiares de pessoas com a síndrome agradeceu os vereadores e apontou a necessidade de o poder público pensar em promover ações voltadas às pessoas com deficiência.

Após dois anos de espera, os vereadores de Parobé aprovaram por unanimidade projetos de lei que tratam a respeito dos direitos da pessoa com transtorno do espectro autista. Sugeridas ao Executivo pelo vereador Antônio Carlos dos Santos (PDT), as aprovações garantem a inclusão de quem sofre com a síndrome nos espaços públicos, além de alertar quanto a necessidade de conscientização da sociedade.

“Esta foi uma luta que travei em nome dos pais e familiares de pessoas com autismo. Estamos falando de incluir estas pessoas nas decisões e facilitar o acesso aos serviços públicos”, destacou Santos.

No projeto 019/2019, torna-se obrigatório a inserção de placas de atendimento prioritário com o símbolo mundial do autismo nos estabelecimentos públicos e privados do município.

Já a segunda matéria, de número 082/2019, inclui no calendário oficial de eventos do município o dia 02 de abril de cada ano como o “Dia da Conscientização Sobre o Autismo”.

Para o professor e pai de uma jovem autista, Gilmar Pivotto, esta aprovação é significativa e deixa o legado de uma cidade que pensa na inclusão de pessoas com deficiência. “Foram dois anos de espera, mas após muitas explicações, finalmente podemos ver esta Casa Legislativa aprovar este projeto. Algumas coisas lamentamos, mas agora ficamos na história. Estas placas que serão instaladas significam muito para nós”, salientou.

Foto: Eduarda Rocha/Assessoria de Comunicação